Como preparar sua pequena empresa para a Black Friday

Como preparar sua pequena empresa para a Black Friday

“Só porque você é uma pequena empresa, não significa que não possa aproveitar as vantagens da Black Friday e começar bem o período de festas de fim de ano.” – Maggie Glover

Black Friday, uma breve história

Quando o desfile de Ação de Graças da Macy’s começou em 1924, um dia após o Dia de Ação de Graças se tornou o primeiro dia oficial da temporada de compras de fim de ano e muitas empresas viram seus recordes passarem do vermelho para o preto como resultado.

O termo Black Friday traz logo a imagem de longas filas em lojas de departamentos locais e notícias sobre compradores radicais acampando em um estacionamento na noite anterior (ou fazendo muito, muito pior) para conseguir algum desconto. Mas o nome não foi cunhado como uma referência à desgraça que os funcionários das lojas de varejo podem sentir à medida que o dia se aproxima; na verdade, é uma referência aos métodos tradicionais de contabilidade manuais. As vendas de um dia que resultaram em perda para uma empresa são comumente registradas em vermelho, enquanto o lucro é registrado em tinta preta.

10 dicas para atrair clientes na Black Friday

1. Veja e ouça os clientes nas redes sociais.

Algumas empresas cometem o erro de agendar ataques a seus seguidores na Black Friday, esquecendo-se do aspecto mais valioso da mídia social: a percepção do cliente em tempo real.
Os clientes vão falar sobre os itens de Natal que estão mais entusiasmados com seus amigos e familiares, e provavelmente até falar sobre os eventos da Black Friday que eles amaram ou não gostaram. Priorize seu tempo na mídia social para revisar este conteúdo valioso e entregar algo que realmente converta em vendas.

2. Estude grandes empresas e replique em menor escala.

Claro que você não deve tentar ser a próxima Amazon. Mas por que não dar um mergulho profundo no que grandes empresas como Amazon fazem para descobrir mais sobre por que seus clientes estão ou não respondendo às suas promoções? Provavelmente, você pode aplicar as lições aprendidas à sua própria estratégia de vendas.

3. Obtenha o máximo de dados de seus clientes como o número do telefone celular por exemplo.

As pessoas estão passando cada vez mais tempo no celular, ainda mais agora depois da quarentena, sendo assim invista em enviar conteúdos direto para o celular da pessoas por mensagens. Seja breve e entregue conteúdo de valor, para não ser chato e acabar incomodando.

4. Use seu pequeno tamanho a seu favor.

Em muitos aspectos, ser uma pequena empresa é uma vantagem durante a black friday. Você pode agir com mais pessoalidade e fazer seus clientes se sentirem especiais de uma forma que as grandes empresas simplesmente não conseguem competir. Pense em eventos e tradições locais que você pode incorporar à Black Friday. Há algo que você possa personalizar facilmente para seus melhores clientes ou para aqueles que fazem compras durante a Black Friday? Por exemplo, se você administra uma padaria, talvez todos os clientes recebam um bolinho grátis com um pequeno bilhete customizado quando fizerem uma compra.

5. Faça um brainstorm de táticas de engajamento a partir da perspectiva de um cliente.

 Para descobrir maneiras de realmente conquistar seus clientes, reserve um tempo para se colocar no lugar deles. Como você pode atender às necessidades de seus clientes e, ao mesmo tempo, tornar outros aspectos de suas férias um pouco mais fáceis?

6. Concentre seu pequeno orçamento em um objetivo ou evento.

Existem várias maneiras diferentes de causar impacto na Black Friday, mas seria necessário um orçamento enorme para poder fazer todas elas. Em vez disso, decida qual objetivo é mais importante para o seu negócio e, em seguida, escolha as táticas que o ajudarão a alcançá-lo. Você terá mais sucesso dedicando sua energia e recursos em um grande evento do que se espalhando demais.

7. Contrate ajuda local.

Considere a contratação de alunos para ajudar durante a correria do feriado para apoiar os jovens da comunidade e aumentar o boca a boca.

8. Incentive seu público a comprar de pequenas empresas.

Iniciado em 2010 pela American Express, o Small Business Saturday incentiva os clientes a fazerem compras locais e pequenas, em vez de gastar todo o dinheiro da black friday em grandes varejistas. Aproveite as vantagens dessa boa publicidade criando um panfleto ou outro folheto anunciando os benefícios para os clientes. É uma ótima maneira de apoiar o boca a boca!

9. Mantenha uma contagem regressiva.

Crie uma contagem regressiva para suas redes sociais e atraia a atenção dos seus clientes com pelo menos uma semana de antecedência.

10. Entregue conteúdo de valor e relevância a respeito dos produtos que você quer vender na black friday.

Nunca esqueça que seu cliente precisa se conectar com a sua marca. Vivemos na era da geração de comunidade e se você não criar a sua com certeza perderá dinheiro. Produza conteúdo o tempo todo! Invista em Marketing e tenha a certeza da colhei.

 


Texto de Rebecca Lorenzetti. 🧡