O Futuro do Trabalho e o Novo Normal

O Futuro do Trabalho e o Novo Normal

Falar sobre Futuro do Trabalho e o novo normal é falar sobre o conceito de trabalho híbrido, que consiste em as empresas darem autonomia aos seus colaboradores.

O ano é 2020 e o mundo enfrenta uma crise inacreditável e completamente inesperada: Uma pandemia.

Como a prioridade é a saúde das pessoas, a economia precisou se reinventar permitindo que as pessoas realizassem suas funções laborais em casa dando espaço para o famoso “home office”, algo que parece simples porém na prática encontra uma série de obstáculos.

Como é para uma mãe de crianças trabalhar em casa? Como uma empresa mantém o desempenho de sua equipe? Como manter o foco no trabalho? Como construir um ambiente confortável para trabalhar dentro de casa?
Esses são só alguns dos muitos questionamentos que envolvem a reflexão a respeito do “novo normal”.

De acordo com Ayman Shoukry, CTO da empresa Specright, a transição para o novo normal exige das empresas três fatores: tecnologia, flexibilidade e inovação. Essa nova fase mostra que muitos dos trabalhos que hoje são realizados em escritórios utilizando sistemas antiquados podem funcionar na nuvem permitindo aos funcionários e colaboradores trabalhar de qualquer lugar.

O trabalho flexível ganhou mais espaço

A flexibilidade é um aspecto importante quando se trata do novo normal, se para alguns a fuga do escritório e o home office são perturbadores, para muitos outros é a liberdade e o formato do qual não querem se soltar nunca mais. Essa nova etapa exige dos gestores flexibilidade tanto com as funções de sua empresa quanto em relação à qualidade de vida proporcionada aos colaboradores.

A inovação é um conceito fundamental que permeia os trabalhos e serviços do século 21 e nesse momento de mudança é importante que todos mantenham seus negócios em constante transformação. O ambiente de trabalho também vai precisar ser inovador!

Em 2014, Robert Half publicou o livro “O futuro do trabalho: Impactos e desafios para as organizações no Brasil” tratando de temas relacionados aos impactos das mudanças geracionais e tecnológicas e a demanda por modelos mais flexíveis de trabalho em todos os aspectos. Half não foi o primeiro nem o último a tratar do futuro do trabalho. Essa temática têm sido explorada há décadas e demanda atenção especial conforme o mundo evolui cada vez mais globalizado e conforme enfrentamos crises das mais diversas naturezas.

O futuro do trabalho está relacionado a um novo modo de se exercer profissões que muitas vezes não possuem horário ou local de trabalho fixos e estão fora do sistema de CLT.

É importante entender que atualmente uma grande parcela da sociedade trabalha em pequenos negócios e principalmente em negócios digitais, o que abre espaço para a fala da especialista em inovação e conectividade Grazi Rangel:

 “Jornadas de trabalho mais flexíveis, coworkings e home offices já são realidade e impulsionam uma nova lógica: vamos exercer múltiplas atividades diferentes ao longo da vida.”

Home office + escritório + coworking

Falar sobre Futuro do Trabalho e o novo normal é falar sobre o conceito de trabalho híbrido, que consiste em as empresas darem autonomia para os seus profissionais escolherem como, onde e quando realizam suas atividades da melhor maneira possível. Por meio desse modelo de trabalho, os funcionários podem escolher entre realizar suas atividades no home office, na sede da empresa ou em escritórios flexíveis (coworkings), por exemplo.

Esse novo modelo têm se mostrado eficiente em garantir profissionais mais contentes, menos ansiosos e, portanto com maior desempenho.

Pensando nisso, o Terracota Coworking desenvolveu o Vale Coworking que consiste em um voucher que dá direito ao uso de toda a infraestrutura do coworking. Para grandes empresas ele é como se fosse um vale refeição, vale academia, ou seja, como se fosse um benefício para os colaboradores, já que muitas empresas estão adotando essa medida de home-office + escritório + coworking. Para quem é autônomo ou trabalha de forma remota, é um voucher, que pode ser  resgatado com uma diária, 1h hora de sala de reunião, etc.

 

Para contratar o vale-coworking é só se inscrever através do link: http://terracota.rds.land/volta-ao-terracota-coworking.


Texto de Rebecca Lorenzetti. 🧡